Lula anuncia R$ 121,4 bilhões em investimentos do PAC em Minas Gerais

0
37
Foto: Ricardo Stuckert / PR

Nesta quinta-feira (8), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva apresentou um balanço das ações do governo federal em Minas Gerais e anunciou novos investimentos, incluindo R$ 121,4 bilhões do Novo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Desse total, R$ 36,7 bilhões serão destinados a obras exclusivas do estado, enquanto R$ 84,8 bilhões serão investidos em empreendimentos regionais que englobam Minas Gerais.

Além dos recursos mencionados, o estado também será beneficiado pelo PAC Seleções, que tem como objetivo atender projetos prioritários apresentados por prefeitos e governadores em áreas essenciais como saúde, educação, infraestrutura social e urbana, e mobilidade. Na primeira etapa, estão previstos R$ 65,5 bilhões em investimentos em todo o país.

Durante o evento em Belo Horizonte, Lula destacou que a escolha das obras e ações resultou de diálogo e construção coletiva entre os gestores federais, estaduais e municipais.

Lula ressaltou: “O que estamos anunciando não é uma ideia do governo federal, mas sim o resultado do compartilhamento de uma política pública civilizatória que decidimos adotar no país, porque o papel do presidente da República não é se preocupar com a filiação partidária do governador, mas sim com o povo do estado que elegeu o seu governador”.

Ele também abordou um problema recorrente no país: a descontinuidade de obras de um governo para o outro. “Todo governante que assume quer deixar sua marca. Se uma obra importante foi realizada por um governo anterior, ele interrompe sem hesitação, para fazer a sua própria, porque quer deixar sua marca. Sua marca não é melhorar a qualidade de vida do povo do estado, mas sim construir seu viaduto, sua ponte, sua estrada. Isso é um equívoco, pois a qualidade do trabalho de um estado é medida pelo conjunto das obras realizadas”, destacou.

O evento contou com a presença do governador de Minas Gerais, Romeu Zema, do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, de diversos ministros de Estado e outras autoridades.

Os anúncios do Novo PAC incluem ações nas áreas de energia, saúde, educação e rodovias. Entre eles, destacam-se a retomada das obras do Hospital Universitário de Juiz de Fora, o acordo para o uso futuro do terreno do aeroporto Carlos Prates, na capital mineira, propostas de apoio a agricultores afetados pela seca no norte do estado e a criação de oito institutos federais.

O mapa de obras no Novo PAC, por estado, está disponível na página da Casa Civil da Presidência, responsável pela coordenação do programa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

seis − 6 =